10 comemorações automóveis do ano a ter em conta

O inicio de cada ano traz consigo uma tradição. É altura de elaborar uma lista dos aniversários automóveis do ano que se avizinha. Aqui está o que nos espera para o ano de 2022. E este está particularmente repleto de celebrações de modelos icónicos.

Os 70 anos da Lotus

Comecemos antes de mais pelas marcas , num ano em que a Cadillac celebra 120 anos de existência, assim como, a já extinta Rover. O destaque vai para outra marca inglesa, a Lotus.

Foi em 1952 que um ex-engenheiro da RAF fundou a Lotus Engineering Company. Colin Chapman está já preparando o seu Lotus Mk2, baseado num Austin Seven utilizado em competição. A empresa torna-se conhecida com o Mk6 e depois com o eterno Seven em 1957, que seria o expoente máximo da filosofia da marca: ” light is right”. No ano seguinte a empresa entrou na F1, o resto é o sucesso que se sabe !

O Citroën Type C faz 100 anos

Este faz 100 anos e é francês. O Citroën Tipo C, também conhecido pelo nome de 5Hp ou “trevo” que na verdade designa a disposição dos bancos que adota a partir de 1924. No início dos anjos 20, a Citroën é uma jovem mas promissora marca automóvel, tendo no seu catálogo o Citroën 10HP, um verdadeiro sucesso. Mas André Citroën quer mais, a sua ambição é democratizar o acesso ao automóvel. Vai então encarregar o engenheiro Jules Salomon, o pai do Type A e Edmond Moyet que tinha trabalhado no projeto Type CC da Amilcar, a concepção do novo modelo.

Citroën Type C desde logo se tornará no modelo mais vendido da marca, representando 50% das vendas totais da marca. Este sucesso deve-se ao seu baixo consumo de gasolina, o seu custo de manutenção quase inexistente, uma fiabilidade a toda a prova e claro o seu preço particularmente atrativo.

Ferrari 250 GTO

O Ferrari 250 GTO é o monstro sagrado da marca transalpina, a obra-prima em toda a sua plenitude. Em 1962, 10 anos após o aparecimento do primeiro Ferrari 250, nasce o penúltimo da série … mas também o mais conhecido. O Ferrari 250 GTO começou desde logo a deixar sua marca com vitórias em competição na classe GT e continua a ser o sonho de muitos colecionadores.

Alfa Romeo Giulia

Utilizando a linguagem vinícola, o ano de 1962 foi uma boa colheita, rico em modelos que se tornaram icónicos. Foi neste ano que começou a produção do Type 105 na Alfa Romeo: a famosa família Giulia. Proposto numa versão Ti, este substitui o Giulietta e estará disponível nas mais variadas cilindradas começando no pequeno mas nervoso 1300 cm3, mas também nas versões Coupé e Spider que se tornarão lendários.

Alpine A110

Continuamos com outro ícone do automobilismo. O Alpine A110 foi lançado no Salão Automóvel de Paris de 1962. Grande evolução do A108, este retoma a silhueta mas troca o optando pelo motor estreado pelo Renault Florida, mas na versão que equipa o Renault 8. A história de sucesso está em marcha vencendo os mais variados ralis e tornando-se mesmo campeão mundial em 1973.

MG B

Este foi mesmo um ano fora de serie! Foi em 1962 que Morris Garage substituiu o seu MG A pelo novo MG B. O roadster inglês em toda a sua simplicidade nasceu. Seu 1.8 vai evoluindo,, assim como sua linha com o surgimento do pára-choque “US” em 1975. Porque sim, em 1975 ainda é produzido, será até 1980. Com 523.836 exemplares, será necessário esperar longos anos para que o Mazda MX5 o destrone como o roadster mais produzido de todos os tempos!

Honda Civic

O Honda Civic é uma história de longevidade incrível, poucos podem igualá-lo. Pois em 2022, é a 11ª geração que chegará (com uma versão híbrida). O desenvolvimento da primeira geração do Honda Civic arrancou no Verão de 1970 com a leveza e rigidez estrutural como características principais. Destaque ainda para a adopção de suspensão independente nas quatro rodas. Ao ser lançado no mercado em Julho de 1972, apenas dois anos depois do projecto ter arrancado, o Honda Civic foi o primeiro automóvel estrangeiro a ser construído nos Estados Unidos, mercado onde teve bastante sucesso.

Lancia Stratos

Este é italiano e o design é assinado pela Bertone. Originalmente revelado no Salão de Turim de 1970, nessa altura sob a designação Zero. Foi em 1972 que a versão definitiva do Lancia Stratos HF brilhou e fez vibrar milhares de fãs à sua passagem em inúmeras classificativas do mundo dos ralis, e se tornou num dos automóveis mais icónicos de sempre. O motor V6 do Ferrari Dino dá o seu contributo para uma banda sonora inconfundível. Para um rapaz nascido nos anos 70 como eu, o Lancia Stratos é sem dúvida um dos pilares na construção desta minha paixão automóvel.

Citroën BX

Lançado em outubro de 1982, o BX é o primeiro Citroën projetado inteiramente por computador, mas também o primeiro Citroën cujo design não foi realizado pelo centro de estilo da casa, mas sim na Itália pelo designer Marcello Gandini ao serviço da Bertone.

Dizer que o BX foi um automóvel sem grande importância é simplesmente ignorar a história da marca. Naquele ano, a PSA, à beira do abismo, apostou tudo neste carro e no Peugeot 205. E serão precisamente estes dois modelos que vão salvar o grupo da falência anunciada.

Mercedes 190

O Mercedes 190 E (W201) foi em si uma pequena revolução para a marca da estrela, que assim entrou no segmento inferior a fim de expandir seu mercado. Lançado em setembro de 1982, oferecia um estilo decididamente moderno e ao mesmo tempo totalmente alinhado com a tendência estilística. Com este novo modelo que será apelidado de Baby-Benz a Mercedes procurou rejuvenescer sua imagem e alcançar novos clientes.

O Mercedes 190 (W201) foi um dos modelos mais importantes para a marca alemã. De preferido dos taxistas para se tornar no rei do DTM, que o digam as mais de 3 milhões de unidades!

Vive a tua paixão!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s