Mazda MX-5 NB – Sucesso Confirmado

O Mazda MX-5 é um carro iconico. Com ele a Mazda relançou a moda dos descapotáveis desportivos quando já ninguém acreditava neles. O sucesso da primeira geração do mx-5 foi enorme, pelo que a marca japonesa não hesitou em lançar a segunda geração. A receita é a mesma, ou seja, prioridade às sensações e ao prazer de condução.

Um cabriolet para duas pessoas, ergonómico e confortável, divertido de conduzir e fiável, tudo isto a um preço acessível. Esta foi a chave do sucesso do MX-5 na Europa (Miata nos USA e Eunos no Japão). Apresentado no salão de Chicago em 1989, o cabriolet nipónico faz uma síntese do que de melhor se fazia nos anos 60 e 70 em matéria de cabriolets na Europa, inspirando-se principalmente nos roadsters ingleses. Surpreendendo tudo e todos o Mazda MX-5 faz renascer este segmento quando já ninguém acreditava nele, dando origem a uma serie de modelos mais ou menos semelhantes por parte da concorrência. Desde os luxuosos Mercedes SLK e BMW Z3, aos mais populares Fiat Barchetta e MG F, todos queriam estar presentes.

Evolução na Continuidade

Quase 10 anos após a primeira geração e perante o sucesso desta, a Mazda apresenta no salão de Tóquio a segunda geração designada de MX-5 NB. Este novo MX-5 mantém um estilo próximo do seu antecessor, apresentando umas linhas ligeiramente mais musculadas. Mantendo as suas dimensões inalteradas, o MX-5 NB perde no entanto os faróis escamotáveis para adoptar agora faróis mais convencionais. A carroçaria é reforçada para uma maior rigidez e o equipamento é mais completo. O que leva a um ligeiro aumento de peso, ultrapassando apenas a tonelada graças ao excelente trabalho dos engenheiros japoneses.

Quanto a motores. O Mazda MX-5 NB utiliza os mesmos motores da geração anterior mas com um ligeiro acréscimo de potencia, talvez para compensar o aumento de peso. O 1.6 passa a ter 110 cv e o 1.8 vê a sua potência chegar aos 140 cv.

10 th Anniversary

Chegado o ano 1999 e para comemorar o décimo aniversário do MX-5, é lançada uma edição limitada. O Mazda MX-5 10th Anniversary Edition não traz grandes alterações face à versão normal, adopta a cor exclusiva “Innocent Blue Mica”, assim como uma capota também de cor azul e o interior revestido de couro e alcantara. Limitada a 7500 unidades numeradas, esta edição limitada estreia ainda a nova caixa de 6 velocidades.

A edição limitada MX-5 10th Anniversary Edition adopta a cor exclusiva “Innocent Blue Mica”

O Mazda MX-5 NB confirma o sucesso do seu antecessor, as vendas desta segunda geração junto com a primeira totalizam as 532000 unidades, batendo um novo recorde. Em 2000, o MX-5 entra no Guiness Book of Records como o descapotável de dois lugares mais vendido do mundo, ultrapassando o inglês MG B.

Chegado o ano 2001, a Mazda decide atualizar o MX-5 NB, passando agora a designar-se MX-5 NB FL (FL para Facelit). Este “restyling” traz pequenas alterações estéticas, um novo pára-choques dianteiro com novas entradas de ar mais agressivas e uma nova integração dos faróis de nevoeiro. É sobretudo ao nível dos equipamentos que se dá uma maior mudança, com a introdução de um novo interior e um equipamento mais completo. O motor 1.8 recebe um sistema de árvore de cames variável (VVT) ganhando assim um pequeno acréscimo de potência, dispondo agora de 145 cv. O Mazda MX-5 NB FL recebe também a nova transmissão automática.

As Versões Especiais

Este pequeno descapotável japonês é dos poucos que reúne a unanimidade. Ágil, divertido a conduzir e ávido em sensações, apenas uma queixa têm surgido de uma parte da clientela. Alguns consideram que este deveria ter uma maior potência para melhor explorar o seu ótimo chassis.

Mazda MX-5 NB SP – A versão vitaminada australiana com 211 cv.

Os primeiros a satisfazer esta reivindicação, foram os responsáveis de Mazda Austrália ao lançar no seu mercado o Mazda MX-5 NB SP, equipado com o motor 1.8 munido de um turbo que lhe permite desenvolver uns impressionantes 211 cv.

A iniciativa de Mazda Austrália não deixou indiferentes os japoneses da casa-mãe. Dois anos mais tarde estes encomendam à Mazdaspeed (divisão desportiva da marca) uma versão vitaminada do MX-5. O Mazda MX-5 Roadster Turbo utiliza o mesmo 4 cilindros com 1.8 de cilindrada munido também de um turbo, mas com “apenas” 178 cv de potência.

Mazdaspeed produziu o MX-5 Roadster Turbo

Se à partida os designer não tinham previsto uma versão coupé para o MX-5, ao longo dos anos, vários foram os protótipos apresentados. Até então, a Mazda sempre se recusou a oferecer uma versão coupé de seu roadster de sucesso, mas com a segunda geração NB, decide oferecer uma prenda aos seus clientes nipónicos. Em 2003 surge o Roadster Coupé, em série limitada e com 4 versões diferentes. Exclusivo para o mercado japonês foram produzidos menos de 200 exemplares.

Em 2003 a Mazda lançou para o mercado nipónico o Roadster Coupé uma versão “muito especial”

Quando todos pensavam que o estilo roadster à inglesa tinha terminado, eis que um pouco contra a corrente uma marca nipónica lança o simpático Mazda MX-5. O sucesso é imediato, esta segunda geração MX-5 NB mais confortável e melhor equipada, vem confirmar este sucesso. Confiante no potencial que tem nas mãos, a Mazda continuará a apostar neste pequeno roadster com uma terceira geração, o MX-5 NC.

Vive a Tua Paixão!

One thought on “Mazda MX-5 NB – Sucesso Confirmado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s